Ethereum

Tudo o que você precisa saber sobre o Ethereum para ampliar seu conhecimento e investir com segurança e tranquilidade

Se desejar, selecione outra moeda para saber mais sobre ela:

  • BTC

    R$ 0,00

    0,00% (24h)
  • ETH

    R$ 0,00

    0,00% (24h)
  • XRP

    R$ 0,000000

    0,00% (24h)
  • BCH

    R$ 0,00

    0,00% (24h)
  • LTC

    R$ 0,00

    0,00% (24h)
  • DASH

    R$ 0,00

    0,00% (24h)
  • ZEC

    R$ 0,00

    0,00% (24h)
Ethereum Created with Sketch.
ETH
Ethereum
R$ 0,00 0,00%

O que é Ethereum?

Ethereum é o nome dado à rede que adiciona à tecnologia pensada para transacionar Bitcoins a capacidade de transacionar tudo que tiver valor e possa ser programado. Em outras palavras, a Rede Ethereum promete ser uma nova internet (Internet do Valor) feita de forma descentralizada (não existe em um único servidor, mas sim, diversos computadores espalhados pelo mundo que constituem a Rede Ethereum), onde os usuários e desenvolvedores podem realizar trocas P2P (sem intermediários), detendo maior controle sobre as informações cedidas e/ou lucros gerados.

O Ethereum é um sistema descentralizado: isso significa que não é controlado por nenhuma entidade governante. A maioria absoluta dos serviços on-line, empresas e negócios foram idealizados em um sistema de governança centralizada, ou seja, apenas uma entidade é detentora do poder e tomada de decisão. Essa abordagem tem sido usada há centenas de anos e, embora a história tenha provado repetidas vezes que ela possui muitas falhas, sua execução ainda é vista como necessária, sobretudo quando as partes não confiam umas nas outras.

Sendo um sistema descentralizado, o Ethereum é totalmente autônomo e não é controlado por ninguém. Não tem um ponto central de falha, uma vez que está sendo executado em milhares de computadores voluntários em todo o mundo, o que significa que dificilmente ficará off-line. Além disso, as informações pessoais dos usuários permanecem em seus próprios computadores, enquanto o conteúdo, como aplicativos, vídeos etc., permanece sob controle total de seus criadores sem obedecer às regras impostas pelos serviços de hospedagem como App Store e YouTube.

Não perca nenhuma
oportunidade de mercado

Cadastre-se agora e comece a investir em ethereum com A MENOR TAXA DO BRASIL!

O que é Ether?

O Ether é a moeda para utilizar qualquer uma das aplicações criadas na Rede Ethereum por desenvolvedores. Inclusive, pode ser utilizado para comprar outras criptomoedas que são o meio de troca dentro de plataformas construídas dentro da Rede Ethereum.

O valor da Rede Ethereum e, consequentemente do Ether, reside no fato de que podem ser criadas todas as funcionalidades existentes na Internet de forma descentralizada, garantindo mais privacidade para o usuário e maior dispersão de valor, ao invés desse valor ficar centrado nos gigantes da tecnologia tais quais Google (Alphabet), Amazon, Facebook...).

O Ether, diferentemente do Bitcoin, não é apenas uma criptomoeda que visa substituir as moedas tradicionais, mas é, também, a moeda de troca da Rede Ethereum. Isso significa que toda transação realizada na rede tem como referência o valor do Ether. Além disso, como todas as transações são registradas no Blockchain do Ethereum e demandam poder computacional dos mineradores, é necessário o pagamento de um fee aos mineradores chamado de gas price. Em outras palavras, para cada transação realizada dentro da Rede Ethereum, o comprador deve designar um valor a ser pago ao minerador para que esse valide e registre a transação no Blockchain.

Disso conclui-se que o Ether não tem, apenas, um valor especulativo: com a criptomoeda é possível comprar e vender mercadorias, ativos e/ou serviços que estejam disponíveis na sua Rede.

Ether e transparência

Como acontece no Bitcoin, não é possível ligar uma determinada transação a um indivíduo. Contudo, é possível acompanhar todas as transações através do site Etherscan, através do endereço das carteiras, da transação ou do endereço do smart contract.

Com isso é possível, por exemplo, acompanhar todas as transações já feitas por uma determinada carteira, em quanto tempo uma determinada transação será validada (depende do gas price), etc.
Além disso, alguns sites, como DappRadar, monitoram as principais Dapps e informam o valor total destas (em Ether), o volume de transação e quantas transações foram feitas.

Como comprar Ethereum?

  1. Cadastre-se

  2. Deposite reais

  3. Compre criptomoedas

Crie uma conta na XDEX para investir em criptomoedas com máxima segurança

Quem criou o Ethereum?

No final de 2013, Vitalik Buterin descreveu sua ideia em um white paper que enviou a alguns de seus amigos que, por sua vez, o passaram adiante. Como resultado, cerca de 30 pessoas contataram Vitalik para discutir o conceito de sua ideia. Ele estava esperando por revisões com críticas e pessoas apontando erros no conceito, mas isso nunca aconteceu.

O projeto foi anunciado publicamente em janeiro de 2014, com a equipe principal consistindo de Vitalik Buterin, Mihai Alisie, Anthony Di Iorio, Charles Hoskinson, Joe Lubin e Gavin Wood. Buterin também apresentou o Ethereum no palco em uma conferência Bitcoin em Miami, e apenas alguns meses depois a equipe decidiu realizar uma venda coletiva de Ether, o símbolo nativo da rede, para financiar o desenvolvimento.

Ethereum x Bitcoin

Ethereum e Bitcoin podem ser, de certa forma, semelhantes sobretudo quando trata-se do aspecto da criptomoeda de cada um, mas a realidade é que eles são dois projetos completamente diferentes com objetivos também completamente diferentes. Embora o Bitcoin tenha se estabelecido como uma criptomoeda relativamente estável e de maior sucesso até o momento, o Ethereum é uma plataforma multiuso com sua moeda digital Ether sendo apenas um componente de seus aplicativos de smart contract.

Uma grande diferença é que o Bitcoin tem um hard cap de 21 milhões de bitcoins que podem ser criados, enquanto um fornecimento potencial de ether pode ser praticamente infinito. Além disso, o tempo médio de mineração de blocos de Bitcoin é de 10 minutos, ao passo que o objetivo do Ethereum é de ser de não mais do que 12 segundos, o que significa confirmações muito mais rápidas.

Outra grande diferença é que, atualmente, a mineração de bitcoin bem-sucedida requer enormes quantidades de capacidade de computação e eletricidade. Por outro lado, o algoritmo de prova de trabalho do Ethereum incentiva a mineração descentralizada por indivíduos.

Talvez a diferença mais importante entre os dois projetos seja que o código interno do Ethereum é um Turing completo, o que significa que literalmente tudo pode ser calculado desde que haja poder de computação e tempo suficientes para isso. O Bitcoin não tem esse recurso. Embora um código de Turing o forneça aos usuários do Ethereum possibilidades praticamente ilimitadas, sua complexidade também significa possíveis complicações de segurança.

Principais vantagens e características

Imunidade

O Ethereum é completamente imune a qualquer intervenção de terceiros, o que significa que todos os aplicativos descentralizados e DAOs implantados na rede não podem ser controlados por ninguém

Consenso

Qualquer rede Blockchain é formada em torno de um princípio de consenso, o que significa que todos os nós dentro do sistema precisam concordar com todas as alterações feitas dentro dele. Isso elimina as possibilidades de fraude, corrupção e torna a rede inviolável

Descentralização

A plataforma inteira é descentralizada, o que significa que não há um possível ponto único de falha. Assim, todos os aplicativos ficarão sempre on-line e nunca serão desativados

FAQ